Romance Ruim





Saboreando tamanho susto, desci as escadas correndo em estado de choque. Foi uma avassaladora inquietação que me deu vontade de sair berrando pelas ruas a minha dor pelo que acabava de acontecer. Meu namorado de suicidara, depois de uma intensa noite de amor.Perdi a razão. Cadê minha razão?


No antepenúltimo degrau da maldita escada que vai até o saguão de caminho à sala de jantar da casa de Rameno , levo-me um tombo que me remete em velocidade absurda de boca no chão. Beijei o chão! Um encontro mais que perfeito. E num silêncio profundo meu sangue jorrava formando uma poça sob meu rosto. Meus dentes deram beijomeliga para mim. Tchaaaau dentes meus!! \o/ Tudo era escuro, parecia que estava dentro de uma núvem preta.Nuvem preta existe?

De repente um carão na minha frente. Era ele, Rameno, com suaves expressões no rosto acariciando meu cabelo, com uma seringa cheia de sangue e veneno na mão direita. Fui perguntar o que havia acontecido e vi que não conseguia nem falar ...Como assim? Um tetraplégico não sente as pernas, e eu não sentia minhas bocas? Mas eu só tinha uma boca. Então eu não sentia minha boca. Perdi minha boca!


Lágrimas escorriam sem parar. Chorei tanto que comecei a me afogar, daí parei de chorar.

Tudo era confuso, minha mente me fazia perguntas pitorescas .O que fazia eu, uma pessoa linda, persoasiva, chique bem, graduada, de 25 anos, naquela cama de hospital do SUS? e ainda por cima na enfermaria? Ó ! cadê meu ambiente particular? Ó ! Cadê minha vida? Estava me sentindo orfão de memória, privacidade e até de boca. Dormi.

Sonheei que dancei com você, de um jeito tão bonito, foi demais. Te abracei . Te senti. Te ouvi dizendo: - Eu também sonhei com você. E foi tão legal !! E o sonho hoje se tornou real .♪♪♪ . Essa música não saia da minha mente enquanto meu namorado fazia uma dancinha sincronizada na cama comigo e mais dois . Será um Ménage Quatreá?






Eu não distinguia ao certo o que era real e o que era delírio.Só sabia que tudo era um horror. Precisava acordar, já sabia que tudo era um pesadelo, mas ele não me deixava em paz. Tentara me levar com ele, me matar com um travesseiro me sufocando em lembranças e eu não conseguia gritar. Só queria saber o que estava acontecendo com o meu coração.


Perdi meu rumo, meu status, minha razão. Se ao menos pudesse lhe falar o que sentia. Acho que fui interrompido. É isso. Fui ficando sem ar. Estava na mão do palhaço malvado e excitado. E ele me comeu com angu, depois vomitou sangue de sentimentos aflitos.

Bom, já que estou morrendo sufocado, gostaria de deixar claro as minhas vontades: Toquem Paparazzi no meu enterro.

Acordei ainda mais feliz hoje, e com uma linda bandeja de café da manhã sobre a cama. Torradas acompanhadas de geleia de damasco do jeito que gosto, dois copos de suco de de kiwi natural, morangos enormes, bolo de cenoura com chocolate. Dei um leve sorriso de felicidade, porém cansado do pesadelo. Olhei para o lado e Rameno estava de costas, na sacada observando o jardim, a sinfonia dos pássaros que cantavam com tamanha altivez. Ultimamente estava sendo assim. Ele aparecia pra mim trazendo café da manhã na cama depois de uma noite de intenso prazer e tesão. Levantei e fui abraçá-lo na sacada. Ele me apertou tão gostoso e disse com a voz sublime. - Não quero te ver nunca mais. E me espetou com a seringa de aço cheia de frieza e insignificância.

.

.

.

.Caí das alturas da sacada e morri antes de espatifar no chão. E agora sim, acordei com a sinfonia do meu delicioso grito de dor, seguido do silêncio de um grande amor.

♪..I want your love and
I want your revenge
You and me could write a bad romance
(Oh-oh-oh--oh-oooh!)
I want your love and
All your lover's revenge
You and me could write a bad romance

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Caught in a bad romance
Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Caught in a bad romance..♪


22 comentários:

  1. Confesso que não conhecia mesmo o "trabalhando", mas é um termo interessante.
    E sinta-se a vontade para pedir qualquer dica sobre filmes.

    Depois de ler o seu texto, cheguei a conclusão de que o amor mata :S

    E sobre a Lady Gaga... Eu acho que ela é hermafrodita. Só pode!

    ResponderExcluir
  2. Oi Dan, tudo bem?
    Menino, q loucura é essa?
    Kkkkkkkkkkkkkkkk
    Eu revi o clip paparazzi de um jeito diferente, a lá Dand, kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Bjo
    :)

    ResponderExcluir
  3. Tá cronista hein? :)

    Se ele não a matasse com a seringa concerteza ela morreria espatifada no chão...bem sensato (6) gosteeeei!

    Bjus blues e poesia.

    ResponderExcluir
  4. Olá Dand! primeiro um registro importante ...

    "Obrigado Dand, meter os pés pelas mãos em certas ocasiões da vida é algo profundamente necessário e cabível ... quem não vivenciou isto não é mesmo? Torcendo para que esta sua necessária espera neste momento seja a menos angustiante possível e que ao final tenha valido a pena ...

    Vindo a BH mantenha contato ... um café mineiro sempre estará à sua espera e quem sabe uma dosezinha da malvada ... rs ... tudo bem "trabalhado" claro ... rs

    Agora o post ... rapaz que delírio louco ... isto me deixou tenso ... apesar de toda esta capa rubra que a cobre ela vem dotada de um realismo fantástico e inebriante ... viajando horrores por ela ...

    Fui pegar meu mp3 e coloquei o Paparazzi a tocar em alto volume e estou a viajar por este código de palavras que traduz toda esta emoção lírica que voce nos brinda ... e lembro Nietzsche ... é através da loucura que os maiores feitos foram concretizados em toda a trajetória humana ...

    tenso ainda ... mas próximo do gozo alucinado que acompanha o ápice do prazer ...

    bjux querido

    ;-)

    ResponderExcluir
  5. Amigoo me perdi em suas palavras! Fiquei hipnotizado com a história! Imaginei cada cena, cada detalhe, realmente me envolvii..

    Cada dia mais me apaixono por vc e por nossa amizade! Sou seu fã ♥

    ResponderExcluir
  6. Olá Dand!!!

    Muito boa história, cheia de surpresas, cheio de amor intenso e, principalmente, cheia de Lady GaGa. Adoro!...rs

    Agora, voltando ao q vc comentou no meu blog... Como assim festa fetiche?... hehehehe... Choquei! :P!!!

    Abraço,

    Hermes

    ResponderExcluir
  7. Dand meu filho, tô bobo, quanta piração. Resa 3 pai nosso, 3 ave maria e vai dormir. Bons sonhos...
    Bjux

    ResponderExcluir
  8. Oi Dand
    Adorei essa dose de Real+ficção= Lady Gaga
    Viajei legal na Crônica!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. aHUAaUAhuAa
    cara vc tava beeem inspirado quando escreveu essa história forte
    mas tbm engraçada..."Meus dentes deram beijomeliga para mim" aHUAuhaHUAhuhuaAa "O que fazia eu, uma pessoa linda, persoasiva, chique bem, graduada, de 25 anos, naquela cama de hospital do SUS?" kkkkk chique bem


    e sim, tá quente pra ca%¨$#& e chovendo muito. Só nas enchentes e deslizamentos de terra aqui em sp
    ahhhh, o verão!

    fui

    ResponderExcluir
  10. e ah, é melhor eu tbm não contar minhas histórias de quando aprontava

    deixa pra lá, neh

    kkk

    ResponderExcluir
  11. Tu me encantas, guri! Muito bom!!! E precisamos saber mais sobre isso da "boca também pagar"... hehehe!!!! Hugzón!

    ResponderExcluir
  12. Oi Dan, tudo bem?
    Então difícil é, mas necessário.
    O tempo ajuda e como vc mesmo disse ele faz o devidos retoques.

    Bjo
    :)

    ResponderExcluir
  13. Nossinhora! Q bagunça!!
    haha

    Muito bom o seu texto. Mesmo com tantos "acontecimentos", consegue prender a atenção de quem lê.

    Mas, cá pra nós... a Lady Gaga não me desce d jeito nenhum! Credo.

    Abço ^^

    ResponderExcluir
  14. Dan, que isso é a musica paparazzi da Lady gaga em conto?hehehe...

    Dan..nao to muito bem nao..brema pra resolver com a namorada ne...mulher sempre o brema...to andando muito mal por muitas coisas acontecendo...
    tipo..so calado...mas tem coisa q tem q achar explicação....

    mudanças tem q acontecer...é o que eu quero esse ano...crescer....mas exige tempo e obstaculos....

    mas ai tudo bem????
    abraçao

    ResponderExcluir
  15. Gente, eu ri muito. Sério mesmo! Foi engraçado e bem divertido ler isso... uma estória de romance ruim :)

    ~Até a próxima.

    *DB*

    ResponderExcluir
  16. mininu esse texto m prendeu do começo ao fime a Gaga foi ótimaaa!!heheheeh
    abaçooo e será q o amor mata mesmo hien?!
    tô tenso agoraa!!
    heheeehheeh!

    ResponderExcluir
  17. mininu tu tá é por foraa de como eu sou "mazelado", m acontece cada coisa q tu num tem noçãooo e eu num conto é com vergonha mesmoo
    kkkkkkkkkkkkkkkkk
    ia iiii
    e eu nem tinha t likado tb óo
    mas já o fizz!!!
    abraçoo
    e aki tá o meu msn add aí pra gente rir um bocado!! hehehehehehhe
    abraçooo!!
    scaryvan@hotmail.com

    ResponderExcluir
  18. Dand,
    to rindo até agora que romance mais bizarro. Tudo bem sinistro cheio de crueldade, sangue... que isso? Mas super bem escrito, gostoso de ler a cada linha a sede de se seguir nos prendia os olhos.
    Adorei
    Bju com saudade do Dand.
    Jay

    ResponderExcluir
  19. cara nunka tinha vistu por esse angulo.... adoreiiiiiiii vc é o maximu gatuhhh.
    otimu findísss se kuida e ahhh kuida c/ a bebida em

    SE FOR DIRIGIR NAUM BEBA E SE FOR BEBER ME CHAMA
    kkkkkk..... kkkkkkkk..... se kuida

    te adoooooooooooooooooooooroo d+++


    bjússssssssssssssss millllllllllll

    Lena

    ResponderExcluir
  20. Eh cara, mto boa a historia, eh pra se onvolver mesmo. Da pra imaginar cada cena, cada momento!
    Ta que pode ser meio pessada neh ahauhauha
    Mas ficou legal.
    Abraço

    ResponderExcluir
  21. choquei! só falo isso :o
    menino, que loucura gostosa... sei lá, é morrer de amor, né!
    teve até sandy e júnior old nessa crônica!
    enfim, si lá, me amarrota que eu tô passado! me diverti com o texto e até arrepiei ao final! adorei!

    bjomeliga

    ResponderExcluir
  22. amigo, tá difícil comentar no seu blog... demora pra ir de uma página pra outra... dê uma olhada na lateral do figura220 onde eu coloquei sugestões pra melhorar comentários nos blogs. fica a dica!

    ResponderExcluir

Seguidores